Diario de Bordo Etna & Ri7a

Ir em baixo

Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Sab Jun 16, 2018 2:42 am

Este diario de Bordo vai servir para escrever experiências, pensamentos, ideias e dúvidas que me surgem na companhia da Etna.

A Etna tem 1 ano, e conta com quase 300km feitos na minha mão. Até agora a única coisa menos boa que me aconteceu foi perder o parafuso do pisca traseiro, mas é comum e é de fácil arranjo. Menos mal...só me falta encontrar agora um parafuso que dê, porque para os que me faltam a mim nunca encontrei lol!
Fora isso, uns sustos por causa do vento que me fizeram o coração palpitar e um ou outro condutor mais tosco que me fez esticar o dedo do meio :p nada de mais...

Tenho notado nas últimas vezes que ela não pega à primeira utilizando o registo de sempre para a ligar - Ar no meio e gasolina aberta - Mesmo depois de a ligar e aguentando ao relantim, quando ponho a patilha para baixo do ar, ela desliga. Tenho que pôr novamente a patilha no meio e por vezes só à segunda (ou terceira vez) é que volta a pegar...
Depois de aquecer mais um pouco e de por a patilha do ar para baixo, la arranca sem qualquer problema - esta menina nunca me foi a baixo em cruzamentos, sinais ou parada, só mesmo quando é desligada.

Por vezes o que me faz a malandra é, em vez de meter uma segunda, fica me em ponto morto e isso é um show fantástico de se assistir (só falta sair ráteres) .... e quando quero por em ponto morto... Não me fixa o ponto, fazendo me sentir um pouco taralhoca à procura do ponto... Só visto!

Tenho também desde do principio a sensação que há uma folga no acelarador, pois acelero e noto que não responde logo; principalmente no arranque - mas também a minha condução é um pouco agressiva Embarassed e não ajuda em nada neste ponto.

Vou agora aos 10.500km fazer lhe uma revisão e fazer as queixinhas todas e ver o que tem, pois quem ma vendeu não me soube dizer que vela e óleo levou silent e isso anda a incomodar me um pouco; quero também ver a revisão e escolher o que lhe por e também perceber o porque de ser X e não Z (vela/oleo/etc.)

Coloquei lhe 10€ de 95 aditivada e supostamente Enchi o depósito. Ao final de 90km baixou um traço ... Ainda estou em processo de análise sobre o consumo...Mas axo que deve rondar atualmente quase nos 3L:face:

Enfim... Espero que a minha menina se aguente bem e que se mantenha por muito tempo nas minhas mãos e, também, que me dê a alegria de ter muitos km sem ter problemas com ela, pois como disse, tenho uma condução agressiva / defensiva e não quero ter nenhum desgosto, não por causa de algum acidente (que o diabo seja cego, surdo e mudo) mas sim por causa de problemas de mecânica que possam surgir do desgaste que lhe possa causar.

Boas acelarações e curvas maltinha riding
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por bangalino em Sab Jun 16, 2018 11:35 am

Boas ri7a, como ainda só fizeste 300 kms é normal que ainda te estejas a adaptar à mota e daí a razão da agressividade, com o tempo irás perceber que vais suavizar a forma como a controlas, nomeadamente nas acelerações, reduções, até na própria travagem e estarás em perfeita sintonia com a mesma. Ah, e não serão precisos muitos quilómetros para que isso aconteça, acredita thumb up
avatar
bangalino

Mensagens : 109
pontos : 123
Data de inscrição : 13/02/2018
Idade : 38
Localização : Lousada

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Sab Jun 16, 2018 8:57 pm

Bangalino, noto que a cada viagem estou melhor na condução, mas os níveis de excitação também variam e noto que por vezes a causa dessa condução mais agressiva advém disso também.

Ainda ontem a fazer a marginal foi uma condução maravilhosa. O problema foi depois à vinda (de noite) que apanhei uma rajada de vento que me aumentou os níveis de adrenalina/excitação e a passar numa retunda fiz umas umas passagens de mudanças mais agressivas .. Embarassed

avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por bangalino em Dom Jun 17, 2018 1:09 am

Isso com os kms vai lá. É preciso é ter calma e apreciar a viagem, o resto acontece naturalmente.
Adopta uma posição confortável na mota, sem fazer muita força no guiador e desfruta a viagem.
avatar
bangalino

Mensagens : 109
pontos : 123
Data de inscrição : 13/02/2018
Idade : 38
Localização : Lousada

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Qua Jun 20, 2018 5:31 pm

Hoje partilho com vocês uma situação que poderia ter terminado de uma forma menos boa ou até mesmo de uma forma macabra se são tivesse sangue frio.
Admito que por um lado fiquei contente (e ainda mais consciente) que realmente tenho sangue frio e mantenho a calma em situações de pânico, embora o meu coração 5 mnts depois é que se lembrou e bateu forte bounce

Era noite feita, sem ninguém na Auto Estrada e eu a fundo (100/110kmh) na A16 a caminho de casa. Desde que entrei na A. E. que vou a fundo, sem vento e com uma temperatura agradável. Não podia estar mais satisfeita com as condições para regressar a casa (quem conhece sabe que Sintra é um micro clima e por vezes é muito ventosa)
Como disse, vou a fundo... E a próxima saída é a minha... Como tal largo o acelarador, e para minha surpresa ela continua a fundo... Volto a acelarar e a largar o acelarador e ela continua a fundo...vejo a saída a aproximar se e a velocidade a manter se nos 100kmh...travo ligeiramente e ela mantém se na mesma a fundo [nota: o punho rodava normalmente para desacelerar mas ela não abrandava]
Nesse momento o que me vem à cabeça é seguir em frente e passar na via verde sem via verde a fundo ou então, rodar o punho em ambas as direções até obter alguma resposta e foi o que fiz - isto tudo demorou uns 5 segundos a ser processado - e prai à 3a vez é que ela deixou de acelarar, travei a tempo e sem grandes dramas, saí na saída e o trajeto seguinte foi a rolar a pensar no sucedido.
Não estava satisfeita com o que se tinha passado, então em vez de ir pela nacional, voltei a entrar novamente na A. E. e voltei a dar lhe a fundo... Mas a verdade é que não voltou a acontecer.

Hoje de manhã para o emprego não satisfeita, dei lhe novamente a fundo e nada se passou. Tudo normal...

Felizmente acabou pelo melhor!!! Yeah v Aplausos

Alguma vez ficaram com o acelarado trancado?
Sinto que o acelarado tem Folga, pode advir disso esta situação?
O que acham que se passou?
Terá sido de ter feito alguns Km com o punho a fundo?

Agradeço feedbacks malta!!
Boas curvas
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por MarcoSL125 em Qua Jun 20, 2018 6:16 pm

Ola rita... se calhar é melhor verificar esse cabondo acelarador. Pode nem ser na parte do cabi que esta a vista, mas no encaixe dentro do comutador direito. Lembro-me que uma das vezes que abrir para arranjar umas coisas, o mesmo ficou meio preso e aonligar a mota em Neutro ela acelarava, entao toca a verificar...

Tiveste aquilo que é preciso nestas situações e conseguiste avaliar de uma forma rápida e segura para ti...

MarcoSL125

Mensagens : 287
pontos : 325
Data de inscrição : 21/05/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ASantos em Qui Jun 21, 2018 12:08 pm

Viva Rita... já me aconteceu algo parecido mas na A5 no meu caso foi a borboleta do carburador que ficou presa, tive de recorrer ao corta corrente para parar a mota e encostrar na berma, solução foi fácil, desenroscar a parte de cima do carburador ( onde o cabo do acelerador entra ) com isto a mola solta-se, depois é só enroscar outra vez e evitar andar a fundo pois pode prender de novo ( motivo sujidade ), de seguida compras WD40 voltas a desenroscar o dito e burifas com o wd40 mas pouco voltas a enroscar e rodas o punho varias vez e fica como novo.

ASantos

Mensagens : 27
pontos : 31
Data de inscrição : 27/06/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Sex Jun 22, 2018 3:24 pm

Obg pelas dicas!!  v

No final do mês a Etna vai fazer a revisão dos 10.000km, pois já se começa a queixar; isto é, começam a aparecer os pequenos problemas.

Desta vez foi ir se a baixo em plena via e ser complicado voltar a ligar - ainda há pouco tempo referi de nunca me ter acontecido isto...realmente ha sempre uma 1a vez para tudo  Shocked
Como sempre, aqueci a mota uns 3/4 mnts, abri o ar e arranquei sem qualquer problema.
Andei cerca de 3km e parei para ceder passagem, quando vou a arrancar ela começa a perder aceleração e vai se a baixo.
Olho para a gasolina e está ainda com 2 pontinhos antes da reserva...Não entendo o porquê daquilo se ter sucedido.
Fecho o ar, e tento pô-la a trabalhar e nada. Tento novamente e nada. Ponho o ar no meio e tento novamente e nada. Então, montada nela, levo-a e encosto à berma.
Ponho na reserva, tento duas vezes e continua sem pegar. Temo afogar a mota, então limito me a contemplar o céu enquanto respiro fundo e ganho folgo para levar a mota até à bomba (nota: estou atrasada e mais atrasada vou chegar com isto tudo!! O bicho carpinteiro entra em acção!  Rolling Eyes )
Entretanto, pára ao meu lado um senhor, igualmente de mota, e pergunta se está tudo bem na qual respondo que se foi abaixo e que não está a pegar.  Embarassed
Pergunta me pelo ar, digo que está OK, pergunta pela gasolina e digo lhe que ainda não entrou na reserva... Embora esteja quase, mas que dava para mais uma viagem sem ter que ir à bomba.
Ele responde apenas, tenta mais uma vez e se não conseguires, pára ali nas bombas (que estavam a 5 metros à frente) e põe gasolina 98... Faço um  thumb up
Abro a gasolina, com o ar no meio, e na Segunda tentativa lá pega...
Agradecí a atenção de ter parado, e andei até às bombas... enfiei lhe 5paus de 95 aditivada e pegou à primeira - não lhe puz 98 porque não tinham  silent
Não queria ir a fundo... Mais teve que ser  Cool

Esta questão de ir abaixo e custar a pegar aconteceu me no princípio, mas resolvi com o deixar aquecer bem; parece que o problema agora deve ser da vela e/ou carburador sujo, porque esta semana ela tem andado com dificuldades em manter se ao relanti.
Não creio que fosse falta de gasolina, porque como disse, ainda tinha 2 pontinhos antes da reserva e tinha feito 216km com 10€(6L)...

Esta menina está a precisar de mimos!!
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por SL125 em Qui Jun 28, 2018 12:19 am

Olá ri7a,

Li tudo, mas vou tentar ser breve na resposta.

Andar sempre a fundo na Superlight ou em qualquer motor não é boa prática.
Como compraste usadae com essa kilometragem, o facto de ir abaixo sem explicação pode ser a necessitar de afinação de válvulas (habitualmente aos 10.000kms).
Quanto ao acelerador preso, podes precisar de lubrificação no cabo de acelerador ou então foi mesmo a borboleta presa. Tenta não andar "mesmo" a fundo, ou seja, se quiseres rodas ao máximo durante uns segundos e depois desaceleras ligeiramente, para ires a 95% de aceleração. Vais ver que o motor agradece e já não te encrava.

Sugeria também meteres uma vela nova NGK DR9EA, bem como pedires afinação do carburador e ralenti agora na revisão.
E muito importante: esquece a gasolina 95 e mete 98 aditivada e aí vais ver como ela se porta melhor. Para o consumo das nossas motas, é irrelevante a diferença de preço, porque vais obter melhor rendimento da mota.

Abraços e vai contando,
thumb up v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Seg Jul 02, 2018 12:36 pm

SL125 obrigada pelo feedback!

A minha condução alterou se gradualmente depois desses episódios. Realmente a SL não é mota para andar sempre a fundo, como também não há (tenho) necessidade de o fazer, pelo menos da forma como o fazia. Andar na Etna ajuda-me a pôr as ideias e os pensamentos em dia, assim como questionar certas atitudes ou situações que se possam passar.
Acho que posso dizer que tenho uma psicóloga/terapeuta fantastica, e o melhor é que sai barato!! Hehehe Razz

Dia 29/6 fui à RAME Moto fazer a revisão dos 10.000km e expliquei o que se tinha passado sobre o acelerador e o ir abaixo, na qual me disseram que no acelerador que não encontraram nada, mas que lubrificaram os cabos - provavelmente foi de ter estado algum tempo (de +) a fundo; e meteram uma vela nova - que salvo erro é DR9EA (tenho que confirmar na fatura)
Mudaram tambem o óleo do motor e viram que a transmissão está quase a dar o berro, felizmente ainda aguenta até à próxima revisão.
A mota está com um trabalhar certinho e o barulho igualmente bonito.

A minha dúvida é a seguinte, é normal depois da revisão a mota pingar óleo (deve ser do motor)? Só andei depois da revisão da RAME MOTO até casa, que são uns 50km. Depois ficou parada (a chuva não permitiu mais nada :/ )
Não verteu muito, mas de 29 até dia 2 fez uma medida de pulgar junto ao indicador.

Li algures aqui no fórum que aconcelham a pôr 95 porque estes motores não foram feitos para 98. Mas tenho que experimentar para saber como a Etna responde.

avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por SL125 em Seg Jul 02, 2018 12:59 pm

Viva ri7a

Ainda bem que rapidamente descobriste o lado bom da Superlight e que aprendeste a desfrutar as "boas vibes" que ela transmite!
thumb up

Quanto ao óleo, não é normal haver fugas, embora não tenha percebido muito bem a quantidade que pingou pela tua descrição.
Há que ver de onde vem, pois pode ser da lubrificação de corrente que tenha pingado alguma coisa e se for isso não é nada.
Se te baixares, consegues ver o bujon do cárter e convém veres se tem lá algum pingo no mesmo ou se tem óleo "fresco". Se for o caso, e se tiveres uma chave, tenta apertar, pode o parafuso ter alargado, que não é normal, mas pode ter acontecido.
Se estiver bem apertado, recomendo ir à oficina pois é porque a anilha não ficou a vedar.

Em princípio será alguma das coisas que descrevi.

Abraços
thumb up v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Seg Jul 02, 2018 4:26 pm

SL125 a medida é juntares o polegar com o indicador e ao fazê lo vais formar um círculo, esse círculo é o tamanho da mancha. Equivale a umas 5 gotas aproximadamente.

avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por SL125 em Seg Jul 02, 2018 4:55 pm

Sendo assim, e caso tenham limpo o filtro de óleo, pode ter escorrido uma pequena quantidade que estivesse por fora no bloco do motor (por baixo, etc).
Fica atenta e vê se volta a acontecer.
thumb up

BTW, obrigado pelo esclarecimento. v

Abraços
v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por bangalino em Seg Jul 02, 2018 5:43 pm

Faz uma inspecção visual por baixo da mota conforme recomendaram umas mensagens atrás e coloca uma folha de jornal no chão, por baixo da mota, para ver se continua a pingar.
avatar
bangalino

Mensagens : 109
pontos : 123
Data de inscrição : 13/02/2018
Idade : 38
Localização : Lousada

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Seg Jul 02, 2018 6:27 pm

Obrigado mais uma vez pelos feedback!! thumb up

Vou verificar ainda hoje qual é a situação que a mota se encontra e direi algo. v
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Seg Jul 02, 2018 8:07 pm

Como tinha dito fui ver e tinha pingado novamente óleo.
Fui ver por baixo e descobri que está a pingar óleo do motor...
Limpei e dei mais um aperto no tal parafuso (que ainda rodou ligeiramente...)
Coloquei papel de revista por baixo com duas folhas de papel higiénico para ver mais tarde se voltou a pingar.

Segue uma foto :
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Comentei sobre colocarem uma vela de Iridium, contudo pela diferença de preço disseram que mais valia por uma normal, então a vela que me colocaram na RAME moto foi uma D7EA.
Penso que é a de origem.. Certo?
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por Luís Lourenço em Ter Jul 03, 2018 12:44 am

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:Comentei sobre colocarem uma vela de Iridium, contudo pela diferença de preço disseram que mais valia por uma normal, então a vela que me colocaram na RAME moto foi uma D7EA.
Penso que é a de origem.. Certo?

Afirmativo. Normalmente mudam sempre a vela nas revisões. E é sempre a de origem.

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Keeway Superlight 125 EL
avatar
Luís Lourenço

Mensagens : 234
pontos : 244
Data de inscrição : 16/09/2017
Idade : 34
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por SL125 em Ter Jul 03, 2018 3:15 pm

Com a foto já dá para ter uma ideia.
Se voltar a pingar depois do aperto que deste, recomendo voltares lá, até porque... pela foto não consigo perceber se o bujon tem ou não anilha de cobre/alumínio... visto daqui parece ser só o parafuso. Se não tiver anilha, foi falha não terem colocado.

Outra nota aqui do meu olhar: é impressão minha ou aquela ponta de rosca de parafuso que se vê no bloco do carter está torta / parafuso torto?

Sobre a vela:
Pois... monetariamente não compeensa assim tanto, pois custa cerca do triplo de uma normal, no entanto, eu as normais trocava a cada revisão de 3mil km e com a de iridium já lá vão 14mil km e ela continua boa.

Abraços
thumb up v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Ter Jul 03, 2018 6:21 pm

SL125, podes por uma foto a indicar o que afirmas do parafuso??
Não percebo de mecânica e é chinês para mim
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por SL125 em Ter Jul 03, 2018 9:14 pm

Este

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Qua Jul 04, 2018 12:07 am

Pois bem, felizmente depois do aperto a mota não voltou a pingar óleo, e hoje fiz com ela aproximadamente 60km - voltei a pôr papel em baixo a ver se pinga novamente.
Falei com a RAME Moto a explicar a situação e eles mostraram disponibilidade para passar lá com a mota para eles verem. v
Parece me que a coisa está no bom caminho, porém nas viagens de hoje senti a mota diferente. Parece me presa, não responde da mesma maneira e está melosa; a subir um passeio, que nao tinha mais do que 4 dedos, a fazer o ponto de embraiagem foi abaixo duas vezes, e para ajudar houve ainda alguma dificuldade em pegar.
De manhã pegou à segunda tentativa - eu dou sempre um cheirinho de acelerador ao start - e depois de estar uns breves momentos ao relenti acelarei novamente e ela parecia que estava a engasgar se.
Deixo uma foto de como está.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por SL125 em Qua Jul 04, 2018 10:54 am

Obrigado ri7a por te dares ao trabalho de tirar nova foto! thumb up
Afinal era mesmo ilusão de ótica.

Essa prisão pode ser por te terem esticado a corrente, deixa fazer mais uns kms e depois logo vês.
Mas já agora, e caso não saibas, cada vez que se estica a corrente, tem de se ajustar o travão traseiro, naquela porca no final do cabo (junto à roda traseira), caso contrário a mota passa a andar travada, pois a roda ao vir para trás estica o cabo de travão automaticamente e isso tem de ser compensado com o tal ajuste no afinador.
Tendo o trabalho sido feito na oficina quase de certeza que isso foi visto, mas mete a mota no descanso central e mexe a roda traseira com a mão para ver se ela roda livremente.
E digo isto, pois a minha mota veio nova do stand (não foi a Rame Moto) com a roda de trás travada... e tive de ser eu a procurar onde estaria o problema... depois nem lá fui, afinei eu mesmo o travão.

Abraços
thumb up v cheers

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Qua Jul 04, 2018 9:39 pm

SL125 seguí o teu conselho, coloquei a mota no descanso central e verifiquei que a roda traseira roda livremente. thumb up
Contudo, depois da viagem de hoje (30km) continuo a sentir a mota  diferente...talvez seja mania minha, portanto, tenho que aguardar mais um pouco e observar/ouvir para ver se noto alguma coisa que possa realmente assumir o "problema".

Questiono se na(s) oficinas eles vêem (por exemplo) as afinações das válvulas, o carburador, filtro de ar, ou seja, se vêm as coisas todas que é suposto verem para o serviço ficar bem feito ou se é só a pedido e sempre a abrir...segundo o que diz os KM da mota. Rolling Eyes

Acho que num futuro irei ser eu a fazer as revisões Very Happy
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por SL125 em Qui Jul 05, 2018 9:47 am

Continua atenta, mas pode ser só impressão tua.
Nesta mota há fatores como o vento, por ex. que tem uma diferença enorme em um dia conseguires passar determinada subida numa mudança e noutro dia já não consegues.

Quanto às revisões, depende da oficina. Algumas só mudam o óleo e pouco mais. Outras fazem mudança de óleo, de vela, limpam filtro de ar, lubrificam cabos de acelerador e embraiagem, esticam corrente, verificam aperto de alguns parafusos, pressão dos pneus, etc...
Tanto quanto sei e da conversa com os próprios, na Rame Moto o preço pode não ser o mais barato, mas todas estas coisas são vistas.

Quanto ao afinar válvulas, também tanto quanto sei a afinação de válvulas deve ser feita na revisão dos 1.000kms e depois se necessitar novamente aos 10.000kms. Fora disso, o mecânico avalia se a mota precisa ou não de afinação de válvulas.

Abraços
thumb up v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por ri7a em Sex Jul 06, 2018 3:50 pm

Boas malta!
Já se passou uma semana desde que fiz a revisão dos 10.000km na Rame Moto e há uns pontos a comentar:

Depois de apertar em casa o bújon (acho que o nome do parafuso é esse) nunca mais verteu óleo thumb up

Se a corrente foi esticada, afinaram o travão traseiro porque a roda não ficou presa thumb up

A mota tem um trabalhar certinho, contudo acho que antes da revisão fazia um barulho com mais presença (mais robusto) Rolling Eyes

Tenho dúvidas se me afinaram as válvulas como é suposto aos 10.000km - uma vez que na fatura não aparece descriminado nem eles falaram em fazer ou disseram que o tinham feito (e eu não sei como se vê/sabe que as válvulas estão desafinadas) scratch

Noto ao andar um barulho esquisito, que me parece ser metálico, que não consigo perceber de onde é - já pensei que poderá ser de não ter aquele barulho mais robusto como referi scratch


Como deu para perceber, não tenho muito conhecimento sobre mecânica ao mesmo tempo que quero ter a menina sempre afinada para poder tirar proveito do melhor dela, portanto a minha questão actual é saber ao que devo estar atenta - sons e comportamentos - para poder ter a menina sempre no ponto caramelo.

Boas curvas cheers v riding
avatar
ri7a

Mensagens : 19
pontos : 33
Data de inscrição : 24/05/2018
Idade : 29
Localização : Cascais / Sintra / Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diario de Bordo Etna & Ri7a

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum