Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Página 8 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8

Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Sex Abr 20, 2018 6:33 pm

Hello!!! Long time no see!!!

Estou vivo, ainda não cai, Graças ao Criador divido e ao Santo das motocicletas. Entre o trabalho, arranajei um tempinho para vir cá dizer à malta isto, não fossem pernsar que eu cai, vendi a mota às peças e emigrei para o luxemburgo para esquercer a minha má furtuna.

Bom como sabem a minha vida de motociclista só acontece quando não chove. É uma cena que tenho de trabalhar enquanto motociclista, mas antes disso tenho de convencer a minha mulher que é fixe andar à chuva (vou busca-la todos os dias ao trabalho).

Nestes dias maravilhosos deu para voltar a por a bixinha a rodar, uma maravilha, até deu para um sunset na marina da EXPO.

Ainda estou longe dos primeiros 4k para fazer a segunda revisão, mas devo ir à rame moto mais cedo pedir para antecipar a revisão para os 3k.

Teve tanto tempo parada durante as chuvas, quero garantir que está tudo ok para rolar em segurança.

Mais uma vez não vou poder ir ao ride de 22 do corrente mês, mas mais oportunidades se apresentarão Wink

De resto desde Setembro até ao momento ganhei muita prática e gosto pelo motociclismo. Quero tirar a carta ainda este ano para subir um nadinha de cc. No entanto dá-me pena de ter de deixar a menina na rua. vamos a ver o que sai daqui!

Abraço a todos.
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por SL125 em Seg Abr 23, 2018 12:28 pm

You're alive, man!

thumb up thumb up thumb up

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Ter Maio 08, 2018 9:44 pm

Boa noite Camaradas de duas rodas!

Então o solinho aparece e a malta o carro esquece.

Tenho rolado todos os dias, e estou cada vez mais confiante nas curvas e agora até já sei desviar-me bem os burcos. Antes não conseguia, mas um amigo explicou-me que possivelmente tem que ver com o meu posicionamento na mota.

Para desviar de um buraco ou algo em geral, tenho de fazer pressão para baixo no guiador, para o lado que quero desviar e voltar a fazer pressão para a mota ir ao sitio. Eu fazia isto, mas o desvio era minimo... Ao que parece eu conduzo muito curvado para trás e não faço pressão no guiador para a moda de facto virar. Testei esta teoria e é do caraças! Curva mesmo à séria.

Este fim de semana fui até à Caparica, e é um pincel porque a mota fica cheia de pó e a areia e afins. Mas é tão fixe quando não apanhas fila na A2 e na ponte 25 de Abril, sempre a abrir!!!

Já estou com 3000 klm feitos, e no fim do mês vou à revisão no matter what! Porquê? É pá esteve parada durante várias semanas, e não sei se é de mim, de não estar habituado ou se é por ter o modelo euro 4, a minha mota faz um som de cortador de relva ou tipo motoserra cansada. Eu vejo outras keeways a trabalhar ao pé e o barulho é diferente (será dos furos no escape?). Não sei, nunca ouvi uma Euro 4 a fazer o mm barulho que a minha, é mesmo estranho o barulho...

Outra cena é sentir uma ligeira instabilidade na roda da frente, parece que me treme.. deve ser de mim, ou do vento.. go figure... Vamos lá ver...

Entretanto, a minha mulher, essa Deusa da Penha de França, ou Grega depende do gosto, acha que seria fixe fazer uma voyage de mota até ao Algarve. LX - ALgarve via Estradas Nacionais all the way down.

Estou fortemente inclinado para ir.. Mas quero fazer a revisão, encontrar forma de ter uma "parteleira" ou alternativa para meter um saco no encosto do pendura. Preciso de resolver o problema de dormencia do traseiro. Neste caso no meu. Ando uns 40 klm e fico sem sentir o cú durante umas horas.

Entretanto Hoje... É pá, eu ganhei o vicio de fazer filtering e travar quase sempre com o travão de trás...

Hoje piso seco, estava no meio de dois carros.
Carro A arranca;
CArro B Arranca;
Eu arranco Depois;
Carro B muda de faixa sem pisca;
Eu dou um cheiro de travão de trás;
A mota fez um derrapagem e o rabo deu de lado.

Felizmente deu para meter tudo no sitio sem ter de ir ao chão. Mas daqui uma ou duas lições: Travar sempre com os dois F e T, e mudar a merda "dos pneus Kenda, que travagens de emergencia é lenda".

Bom hoje ficamos por aqui, continuem a amar as vossas mulheres/homens como amam as vossas motas.

Abraço.
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por Luís Lourenço em Ter Maio 08, 2018 11:48 pm

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:Preciso de resolver o problema de dormencia do traseiro. Neste caso no meu. Ando uns 40 klm e fico sem sentir o cú durante umas horas.

Olá  Diogo. Eu sigo a receita de um companheiro de quando me queixei do mesmo...MOTOTERAPIA. E a verdade é que passado uns tempos deu resultado thumb up

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu: Mas daqui uma ou duas lições: Travar sempre com os dois F e T, e mudar a merda "dos pneus Kenda, que travagens de emergencia é lenda".

Se bem me lembro das aulas de condução a travagem deve ser feita numa proporção de 75% travão da frente e 25% travão de trás. É que o poder de travagem numa mota está no travão da frente, o de trás serve para equilibrar a travagem.
Em relação aos pneus espero sinceramente que sejas dos que aprende depressa pois podes não ter tanta sorte na próxima vez....a essa aula baldei-me eu ao pôr logo calçado decente antes de sair do stand....tantos relatos de companheiros foram mais que convincentes. Se agora te sentes confiante nas curvas então espera para veres quando mudares os pneus:t:t:

Boas curvas v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Keeway Superlight 125 EL
avatar
Luís Lourenço

Mensagens : 234
pontos : 244
Data de inscrição : 16/09/2017
Idade : 34
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por SL125 em Sex Maio 11, 2018 5:12 pm

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:... "dos pneus Kenda, que travagens de emergencia é lenda".

...

Razz Razz Razz Razz Razz Razz

De resto o Luís já passou o receituário completo! thumb up

Abraços
thumb up v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Sex Jul 06, 2018 8:02 am

Olá malta!

Pois é já tenho os 4K klm feitos, já fui fazer a revisão e estou lixado com F grande com a oficina (rame moto).

A kika no geral porta-se muito bem, as velocidades de ponta são agradáveis para o tipo de mota, ágil no trânsito e felizmente tudo corre pelo melhor sem sustos de valor, ainda com os kenda de origem.

Acontece que desde sempre a mota vai abaixo em neutro, pelo que recomendaram-me rolar um bocado mais.

Avisei sempre o stand desde problema e fui informado que a vela de origem é um cocó e seria mudada na primeira revisão.

Na revisão dos 1000 mudaram a vela e supostamente ficava resolvido mas n ficou. Pediram para ir lá. Entretanto meteu-se o mau tempo e fui aguentando a situação, até porque a bixinha n ia abaixo muitas vezes...

Aos 4000klm, paguei 70 euros para revisão, mudaram a vela novamente (n sei porquê, e se faz sentido estar sempre a mudar a vela de 3000 em 3000, porque a kika pega sempre bem e à primeira), esticaram a corrente, mudaram óleo, e puseram uma anilha e um parafuso no sensor do descanso que saltou, apesar de achar que está na garantia paguei por estas pecinhas... ( a garantia n cobre?)

Ainda na oficin, a mota estava a trabalhar em neutro, e ouvi que estava q afogar, e informei que n estava resolvido... Fui informado que esta ok, a centralina foi "resetada" porque n dá para afinal o relatim. A mota foi abaixo ali mesmo.

Pediram-me para testar porque já estava ok. No caminho de casa foi abaixo 4 vezes. E está pior do que antes...

Hoje tenho de deixar lá a mota por 1 dia, o que é chato, porque tenho sempre de me ajustar à disponibilidade da oficina e não o contrário. O que é normal por um lado, mas por outro parece que a oficina não tem capacidade instalada para cobrir as necessidades dos clientes...

Vou deixar hoje a mota na rame moto, e vou informar que tem de estar pronta ao final do dia, penso que tem de haver alguma demonstração de insatisfação caso contrário penso que vão continuar a banalizar o meu caso...

Enfim. Vamos lá ver se corre tudo pelo melhor.
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por SL125 em Sex Jul 06, 2018 9:53 am

Boas DiogoBras,

Percebo a tua insatisfação, ainda para mais, quando é a nossa máquina queremos o problema resolvido o quanto antes.

Sobre a mudança de vela, sim, é normal mudar a cada 3 mil kms, eu fazia isso mesmo fazendo a revisão em casa, isto porque a partir dessa kilometragem, a vela vai progressivamente tendo menos eficácia e pelo valor da vela, é recomendado mudar a cada revisão e sei que isso faz parte do plano de revisões na Rame Moto.

A garantia só cobre peças defeituosas e desde que se consiga apresentar as peças defeituosas (o que é caricato, nos casos em que as mesmas se perdem pelo caminho, como me parece ter sido o teu caso). Contudo, percebo que só assim faça sentido, para evitar tentativas de burla e venda de peças fornecidas em garantia no mercado negro.

Se o módulo da EFI não tem afinação e a mota não está boa, deves continuar a insistir no problema, mas não o faças só verbalmente, fá-lo por escrito para ficares com registo de que reportaste a situação em devido tempo (ou seja, antes de voltares com a mota à oficina, envias um e-mail a explicar os sintomas que continuam e que brevemente ou na data "X" irás deixar a mota na oficina para avaliação.
Se até 3 meses antes de acabar a garantia, não estiver resolvido, informas cordialmente o stand que vais reportar a situação ao importador (Multimoto) e pegas nos e-mails de prova e envias para lá. Depois é aguardar que a Multimoto se pronuncie sobre a cobertura de uma nova EFI em garantia.

Relativamente à disponibilidade da oficina... nós aqui temos culpa no cartório, com a parceria existente Laughing Laughing Laughing e de facto cada vez que lá vou, há sempre um elevado número de clientes pela loja ou a aguardar o serviço de oficina.
Tens de ter alguma paciência, pois esta é uma altura em que muita gente tira a mota da garagem para rolar e como tal toca de ir à oficina rever a máquina.

Abraços e vai dando notícias!
thumb up v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Sex Jul 06, 2018 10:38 am

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:

Se o módulo da EFI não tem afinação e a mota não está boa, deves continuar a insistir no problema, mas não o faças só verbalmente, fá-lo por escrito para ficares com registo de que reportaste a situação em devido tempo (ou seja, antes de voltares com a mota à oficina, envias um e-mail a explicar os sintomas que continuam e que brevemente ou na data "X" irás deixar a mota na oficina para avaliação.
Se até 3 meses antes de acabar a garantia, não estiver resolvido, informas cordialmente o stand que vais reportar a situação ao importador (Multimoto) e pegas nos e-mails de prova e envias para lá. Depois é aguardar que a Multimoto se pronuncie sobre a cobertura de uma nova EFI em garantia.
thumb up v riding

Obrigado pelo esclarecimento e ajuda. De facto tenho tudo por email. E envio sempre o mesmo email para ter sempre o historico das conversas.

Vamos ver se me conseguem ajudar. Eu estou limitado ao uso da mota, e quero fazer uma road trip com a minha mulher. Estou a pensar amanhã sair de Lisboa e ir até Porto Corvo (ia ser Dornes mas mudamos para um destino de praia Smile )

Vai ser um teste à nossa resiliencia e uma aprovação de viagem até ao Algarve que temos pleneada para Agosto.
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Qua Jul 18, 2018 10:44 pm

Companheiros,
Update: Tudo Igual;
Deixei a mota na oficina conforme combinado, ligaram para a multimoto, pois este problema (desligar-se sozinha em neutro), não é um tema comum na rame moto e eles recomendaram retirar uma especie de sensor, limpar, colocar spray de contacto e voltar a colocar. Já que a moto estava desmontada, fizeram a afinação de valvulas.

Melhorou, devo dizer. No entanto continua a acontecer. Ou seja, vou mesmo ter de deixar a mota na rame moto por tempo indeterminado, até que surjam evidências de que a garantia pode ser aaccionada. o problema é que n sabem mesmo o que é, e sem saber o que é não dá para substituir peças.

Algumas pesquisas na net e em alguns grupos do facebook, vi que existem outros ksl riders, com os mesmos sintomas. Em Alguns casos vi malta a dizer que sim, acontece, n há nada a fazer, é carregar no botão e siga para bingo. Pois eu n posso assumir isso, tenho mesmo de resolver este problema até ao final da garantia.

De resto tudo cinco estrelas, ainda n tive de mudar os pneus, continuo com os kenda.
Fui ao NOS alive de mota, o q foi brutal, fiquei mm quase à porta yeahhh;

Quanto ao motor, ela fazia um barulho estranho e era a chapa do escape que estava mal apertada.

às vezes sinto que faz o barulho normal + ruido eletrico, não sei explicar bem.

De qq forma quando tiver o carro arranjado tenho de arranjar tempo de a deixar na rame moto sabe-se lá deus quanto tempo...
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por SL125 em Qua Jul 25, 2018 5:38 pm

O update é bem vindo... pena ainda não estar 100%
Mas vais ver que irá ficar quando derem com o gato!

Abraços
thumb up v riding

____________________________________________________________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] + [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
SL125
Admin

Mensagens : 2966
pontos : 3281
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 40
Localização : Zona Oeste

http://keeway-riders-pt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Seg Set 03, 2018 11:27 pm

Olá Camaradas de Estrada,

Há algum tempo que não venho actualizar o meu diário de Bordo de maçarico para maçaricos.

Estou com uma média de 450 klm, por mês, muito por força das chuvas, que não me deixaram usufruir mais. Talvez este ano compre um impermeável Smile

Tenho updates de mecânica (farei noutro post) e da viagem que disse que iria fazer, viagem essa “alavancada” pela minha mulher, que tomada pelo espirito de aventura me convenceu a seguir por aí na aventura, sem medos!

A Kika, entretanto rebatizada de “La Poderosa” (Diários de Che Guevara - Filme) fez uma viagem a dois, carregadinha quanto baste, Lisboa até Sagres e portou-se lindamente! Superando as expectativas.

Dia 1 - Lisboa - Setúbal - Ferry - Melides - Sagres

Preparação:

- Pau de vassoura cortado em dois a olho, fita cola, braçadeiras para fazer uma rack para colocar a bagagem atrás do banco do pendura; trabalho épico simples, custo total 1,20 (saco de braçadeiras); VS 108 custo da rack shad que equipa a nossa maquina;

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

- Saco de viagem desporto, com possibilidade de expandir em 2 vezes o volume;
- Rede Aranha, esticadores, e um cabo de aço com cadeado.
- Mochila com toalhas e coisas demais para a praia num alforge, e no outro os produtos de higiene.

Prontinhos!

Saída de Lisboa, pela ponte Vasco da Gama. Foi a nossa primeira vez nesta ponte.

Não estava muito vento nem muita gente na estrada pelo que se fez tranquilamente; Seguido autoestrada até Setúbal;

Em Setúbal apanhamos o ferry (Curiosidade: quem tem mota, se tiver bilhete tem prioridade sobre os carros e não precisa de estar na fila . ohhh yeahhh; Nós passamos à frente de todas as pessoas e compramos dois bilhetes na mesma hehehe Smile )

Nisto se poupou um tempo de viagem, até Troia. De Troia fomos até Melides diretos onde almoçamos.

Nunca tínhamos ido aquelas praias, e são brutais e completamente KSL friendly é um tirinho! Foi só tirar as calças e a t-shirt, pois o fato de banho estava por baixo.

Praia feita, fotos tiradas, fomos diretos até Sagres, viagem que se fez tranquilamente. Aqui tive um "Reality Check" quando a caminho vi uma pedra no meio da estrada… Evitei o calhau, mas não pude deixar de pensar o perigo que era… Enfim, atenção máxima e toca a arrepiar caminho até Sines…

Já em Sines, demos rápido com o Hotel Veleiro, que simpaticamente deixaram a Kika/La Poderosa Dormir dentro do loobie de entrada Smile épico!

Dia 2 - Sines - Porto Covo - Vila Nova de Mil Fontes (Furnas) - Almograve - Odeceixe - Aljezur

Segundo dia seguimos viagem rápida passagem por Porto Covo, dar uma rápida vista de olhos da falésia, tirar umas fotos, e fazer uns videos com a GoPro.

Fizemos uma paragem em Vila Nova de mil Fontes, na praia das Furnas, onde fizemos uma prainha. Pouco tempo depois, já estávamos em Almograve, na praia de nossa senhora, muito boa, e deserta! Por lá ficamos a apanhar uns banhos de sol.

O Mar subiu rapidamente, e daí decidimos ir até Odeceixe! A viagem até à praia, a dada altura é de cortar a respiração, bem antes de chegar à praia, a paragem foi quase obrigatória para ver as vistas e bater aquela chapa! Smile

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Nesta praia ficamos até às ultimas, por isso, nem deu para deixar secar o fato de banho, por isso trocamos o fato de banho por roupa interior a sério e seguimos viagem até Aljezur.

A data altura, o GPS mandou-me por um caminho de cabras, mas os pneus Kenda não cederam! Smile

Chegada a Aljezur! hora e check in no hotel.

Dia 3 - Aljezur - Praia da Arrifana - Sagres

Saída do hotel, e fomos até as muralhas de Aljezur, a subida até ao castelo foi atribulada. Em subida, um carro parou à nossa frente, e perdi o embalo. Estamos a falar de uma inclinação de 60/70 graus, e piso em pedra.

A la poderosa perdeu a força, parei, e tentei a todo o gás faze-la subir. Não subiu por nada deste mundo, ainda apanhamos um pequeno susto, porque com o travão da frente, ela escorregou.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Evitou-se o pior, a minha mulher desmontou e eu subi para uma zona com meus inclinação, voltou a monta, e com toda a guita foi subir sempre a esgalhar! Belas fotos!

Viagem tranquila e bonita até Arrifana, onde fizemos uma prainha! Aquilo é uma autentica escola de surf, não sobra espaço para muito mais. : ) De lá fomos até Sagres diretos, onde fomos ao forte e ao farol, onde comprei o nosso primeiro autocolante de viagens, o autocolante do cabo de s Vicente!

Foi o primeiro "chegamos" ao objectivo 1!!!! Wink

check in no hotel.

Mecanica: Check de apertos, parafuso do escape solto.

Dia 4 - Sagres - Zambujeira do Mar - Vila Nova de Mil Fontes

Saída de Sagres direitinho à Zambujeira do Mar, sempre a esgalhar a motoca, 4ª para 5ª, 5ª para 4ª porque perde rápido a força e velocidade em 5ª;

Fizemos praia Zambujeira e almoçamos por lá num restaurante finalista das 7 maravilhas (restaurante - não me lembro do nome dos restaurantes, devia ter anotado tudo, da próxima faço um registo fisico Smile)

De barriga cheia, fomos diretos para o destino Vila Nova de Mil fontes, onde pernoitamos numa casinha típica do Alentejo Wink

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

De noite demos a aquele passeio para ver as lojas dos “regalos”, andar de carrinhos de choque, e comer uma fartura Smile  

Mecanica: Check de apertos, parafuso do escape solto. Reparei que a bomba de travão está colada ao Escape ;(

Dia 5 - Vila Nova de Mil Fontes - Porto Côvo - Lisboa

Fomos até Porto Côvo, que é um sitio bastante querido para nós fazer praia (samoqueira), onde por cenas do destino encontramos o SL125 que se deslocou para fornecer assistência oficial Keeway riders, foi um prazer conhecer o Marco.
Entretanto quis mudar para a zona das piscinas da samoqueira, pois a maré já o permitia e não tive oportunidade de me despedir Sad

Agora é que a porca torce o rabo. Esta viagem deveria ter tido mais um dia de regresso, por minha teimosia, não teve, e foi dose voltar até Lisboa…

A minha ideia era ir por Setúbal onde se cortava mato pelo ferry, tal como na ida. Mas lá fomos pela autoestrada.

Foi uma viagem monótona, e só de me lembrar até me foi o cu. O banco da KSL não oferece conforto nenhum. Zero! Além do rabo, quando metes os pés ao chão, sobe uma dor pela coluna que jesus…

Paramos em duas estações de serviço pelo caminho.

Com esta cilindrada não aconselho a viagem por auto-estrada, tenho para mim que representa um perigo não só para mim e para a minha mulher mas também os demais condutores.. Por muito encostado à direita para facilitar ultrapssagens, havia malta que não passava (o que até era bom para mim porque não faziam razias daquelas…) e poderia causar ali uma “quebra de momentum” de velocidade e um eventual acidente.

Mas lá chegamos a salvo! Tudo no lugar e com um sentimento de dever cumprido e com vontade de repetir (eu estou louco par voltar à estrada, mas com uma motoca mais confortável : ) - Sorry Kika)

Mecanica: Check de apertos, parafuso do escape já não estava lá, quis ficar na A12 para ser feliz no asfalto para todo o sempre.


Última edição por DiogogBras em Ter Set 04, 2018 8:05 am, editado 2 vez(es)
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por PeteRichards em Seg Set 03, 2018 11:54 pm

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:Mecanica: Check de apertos, parafuso do escape já não estava lá, quis ficar na A12 para ser feliz no asfalto para todo o sempre.
O meu também ficou algures no asfalto, mas ainda bem, tirei a protecção do escape e a mota ganhou uns 0.5kw de potência Laughing Laughing Laughing

Belas férias aí com o motão, mas tenho de concordar contigo, é uma mota que não dá muito conforto para longas viagens. eu vejo-me à rasca depois de 40km, fico cheio de dores de ombros e de pernas por levar tudo flectido (2 metros em cima da mota). Já andas a pensar em alguma em especifico?

Aquele teu rack trazeiro é uma bela de uma ideia! fizeste alguma base de apoio ou foi só as duas "varas"? Na viagem que fiz notei que os dois alforges foi mesmo no limite e assim poderia ter ido mais à vontade. Não sentiste que a roda da frente tenha ficado demasiado leve com a carga extra trazeira?

Bom registo, mas para ficar excelente faltam aí umas belas de umas fotos da La Poderosa! cheers

Abraços e boas curvas!
avatar
PeteRichards

Mensagens : 119
pontos : 145
Data de inscrição : 26/06/2018
Idade : 29

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Ter Set 04, 2018 8:08 am

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:Mecanica: Check de apertos, parafuso do escape já não estava lá, quis ficar na A12 para ser feliz no asfalto para todo o sempre.

Aquele teu rack trazeiro é uma bela de uma ideia! fizeste alguma base de apoio ou foi só as duas "varas"? Na viagem que fiz notei que os dois alforges foi mesmo no limite e assim poderia ter ido mais à vontade. Não sentiste que a roda da frente tenha ficado demasiado leve com a carga extra trazeira?

Abraços e boas curvas!

Viva só usei duas varas de abraçadeiras à frente e atrás ficou impecável. Sólido como ferro! Smile
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Ter Set 04, 2018 1:17 pm

Updates de Mecanica:

- Bomba do travão traseiro está encostada no escape; Em avaliação na rame moto;
- Mota desligar-se sozinha em neutro; Em avaliação na rame moto; (tiveram de ligar novamente para o importador para obter mais informações sobre este problema);
- Passagem em lombas, gera um barulho de corneta de palhaço; Origem: Parafusos do suporte de alforges longos demais, fazendo com quue o pneu roce no parafuso. Resolução: Cortar parafusos; Rame Moto irá trocar-me o pneu.
- Suspensão da frente, é demasiado bruta, não assimila regularidade nenhuma e parece ferro a beter em ferro. ficaram de ver na rame moto.

De resto tudo em alta.
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Ter Set 04, 2018 7:14 pm

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:Updates de Mecanica:

- Bomba do travão traseiro está encostada no escape; Em avaliação na rame moto;
- Mota desligar-se sozinha em neutro; Em avaliação na rame moto; (tiveram de ligar novamente para o importador para obter mais informações sobre este problema);
- Passagem em lombas, gera um barulho de corneta de palhaço; Origem: Parafusos do suporte de alforges longos demais, fazendo com quue o pneu roce no parafuso. Resolução: Cortar parafusos; Rame Moto irá trocar-me o pneu.
- Suspensão da frente, é demasiado bruta, não assimila regularidade nenhuma e parece ferro a beter em ferro. ficaram de ver na rame moto.

De resto tudo em alta.

- Bomba letou um jeito;
- Desligar sozinha foi inconclusivo; Vou continuar a precisionar até acabar a garantia tem de resolver...
- Aparentemente tinha uma peça empenada.
- é mesmo assim suspensão é de facto má.
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por PeteRichards em Ter Set 04, 2018 9:33 pm

a suspensão é mesmo assim ou foi essa que veio com defeito? scratch scratch scratch não gosto muito de respostas da marca do género "não é defeito é feitio"... se assim fosse não eram a marca mais vendida em 6 anos consecutivos. convém lembrar isso.
avatar
PeteRichards

Mensagens : 119
pontos : 145
Data de inscrição : 26/06/2018
Idade : 29

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Qua Set 05, 2018 9:46 am

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:a suspensão é mesmo assim ou foi essa que veio com defeito? scratch scratch scratch não gosto muito de respostas da marca do género "não é defeito é feitio"... se assim fosse não eram a marca mais vendida em 6 anos consecutivos. convém lembrar isso.

Também não gosto nada de "não é defeito é feitio", se é feitio, é resolver ou mudar de mota. Penso não estar a ser assim tão radical, é apenas um requisito básico para qualquer produto ou serviço.

Aparentemente a suspensão é mesmo assim. A querer melhorar/resolver é investir numa nova. E sincemeramente não vejo que qualquer investimento na KSL sejam um bom investimento. Que os parceiros aqui do forum não me levem a mal, nada contra quem faz alterações na mota para melhorar ou para a pôr a gosto. Mas estamos a falar numa mota de menos de 2500€, Euro 4 que é relativamente recente ao nivel de produção (estou a referir-me ao modelo de injecção).

O que mais me assusta é toda a parcimónia que se faz à volta do tema de se desligar sozinha em neutro. Dão sempre uma longa explicação do genero (tem a ver com a centralina que não reconhece mudanças bruscas de velocidade; ou; tem a ver com o espigão do corta corrente, que pode estar sujo).

Enfim, não sabem de onde vem o problema, nem a multimoto consegue ajudar. A ideia é "vai abaixo, liga novamente e segue".
É o que vou fazer. No entanto antes de terminar a garantia, no limite vão ter de subsitiuir a centralina ou coisa que o valha... Pois até agora têm sido feitas limpezas e testes em estrada, que com o tempo destapam o problema.

Em suma estou satisfeito por me ter iniciado numa KSL, está e estará sempre no meu coração como o meu FIAT Uno, e continuo a achar a mota linda, mas a seu tempo, vou ter de mudar de moto, com um pouco mais de investimento numa marca de referência.
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por bangalino em Qua Set 05, 2018 10:37 am

Passeio épico, quem me dera que a minha sócia alinhasse comigo numas passeatas do género.
Obrigado pela partilha e pelo registo que nos leva à ideia de como tudo aconteceu e faz bater uma vontade de nos fazermos à estrada. thumb up cheers
avatar
bangalino

Mensagens : 109
pontos : 123
Data de inscrição : 13/02/2018
Idade : 38
Localização : Lousada

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Qua Set 05, 2018 10:49 am

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:Passeio épico, quem me dera que a minha sócia alinhasse comigo numas passeatas do género.
Obrigado pela partilha e pelo registo que nos leva à ideia de como tudo aconteceu e faz bater uma vontade de nos fazermos à estrada. thumb up cheers

Caro Amigo, a minha sócia nem queria que eu comprasse uma mota.
Foi um trabalho de insistência.
Muitas voltinhas pequenas em cidade, vou buscá-la ao trabalho.
Idas à praia sem parar no transito.
tudo isto levou que ela ganhasse o gosto pelas motas.
E agora, quer que eu tire a carta, e que arranje uma mota de longo prazo, com potencia suficiente para os passeios Smile
só uma exigência, quer ser ela a escolher a mota. SmileSmileSmile
avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por bangalino em Qua Set 05, 2018 12:52 pm

A minha ainda não vai muito na cena porque eu era zero em experiência e de repente decidi tirar a carta e comprei logo um "seis e meio". Já as minhas filhas não tem qualquer problema em andar comigo na mota Smile thumb up
avatar
bangalino

Mensagens : 109
pontos : 123
Data de inscrição : 13/02/2018
Idade : 38
Localização : Lousada

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por PeteRichards em Qua Set 05, 2018 10:21 pm

a minha ideia passa também por tirar a carta, meter uns cobres de parte e comprar uma mota à minha medida (literalmente).

é tudo muito bonito, mas já gastei demasiado na mota em tão pouco tempo... se fores ao meu DB tens lá a história toda, com um update que ainda não lá pus, colocar o guiador de origem de novo, porque o da cruiser, por mt conforto que dê, ao fim de 40km nem sinto o pescoço e ombros. 2 metros em cima da mota não dá para ir a guiar com as mãos quase na cintura muito tempo.

Abraços!
avatar
PeteRichards

Mensagens : 119
pontos : 145
Data de inscrição : 26/06/2018
Idade : 29

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por DiogogBras em Sex Set 07, 2018 5:53 pm

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:a minha ideia passa também por tirar a carta, meter uns cobres de parte e comprar uma mota à minha medida (literalmente).

é tudo muito bonito, mas já gastei demasiado na mota em tão pouco tempo... se fores ao meu DB tens lá a história toda, com um update que ainda não lá pus, colocar o guiador de origem de novo, porque o da cruiser, por mt conforto que dê, ao fim de 40km nem sinto o pescoço e ombros. 2 metros em cima da mota não dá para ir a guiar com as mãos quase na cintura muito tempo.

Abraços!

É muito isso amigo.
Repara eu num ano já tive de ir à rame moto uma 5/6 vezes.
Considerando que tenho de deixar lá a mota e apanhar um taxi para o trabalho estamos a falar de um custo adicional médio de 10 € por viagem ida e volta são 20€;
Desta forma:
1 revisão 40€
2 revisão 70€
3 revisão 78€
Deslocações ~80€ para as vezes que tive ir de taxi;
Não vou considerar gasolina, nem as vezes que fiquei inibido de andar de mota porque não havia disponibilidade na oficial, mesmo assim estou a gastar 268e em manutenção prevista + "situações" que acontecem.

Point made, a KSL é divertida, é fixe para voltinhas na cidade. Mas carece de alguma manutenção, que só faz sentido se souberes como fazer. que não é o meu caso. Que não tenho muito tempo nem paciencia para isto...

Depois outra coisa, vou a uma revisão, e venho de lá com um problema de bonus. Desta vez trocaram-me o pneu e veio a chiar.... até tenho medo de ligar para lá, porque vou ter de deixar lá a mota, e gastar mais 20 euros em taxi (porque moro em lx) e possivelmente trocar mais peças porque o desgaste não é coberto pela garantia (tipo, anilhas e parafusos que saltam, lampadas que n duram mais de 1 ano); etc e tal..

avatar
DiogogBras

Mensagens : 192
pontos : 208
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 32
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diário de Bordo Diogo Brás - Kika

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 8 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum